• Júlia Orige

Recebidos, publis e outras coisas | Agosto



Dizem que agosto demora metade do ano para passar, mas para mim dia 1 de agosto foi ontem. Minha vida anda uma loucura, entre dramas de fim de faculdade, o desespero de estar longe de tudo e toda uma vida de blogueira pra dar conta. Trabalhar com conteúdo pra si mesmo é dar conta de uma empresa de uma pessoa só, que tem quase mais instrumentos do que a banda de um homem só.

Tem que gerir redes sociais, produzir conteúdo de valor, escrito e multimídia, entrar em contato com marcas, responder pessoas, cuidar com tudo o que se fala e lidar com toda a instabilidade que está agregada a isso. Eu to começando a viver meu sonho, é isso que eu quero de verdade desde que saí do ensino médio. Eu só nunca achei que fosse conseguir de fato. Mas aqui estou eu, não é?

Seguindo a linha de 100% sinceridade, vou contar um pouco das empresas com quem eu estabeleci parceria neste último mês. Felizmente por enquanto ainda não tive nenhuma marca que tenha sido um desprazer conhecer, assim, hoje só trago coisas boas.

A empresa que eu fico mais feliz de ter uma parceria no momento é a Uniplaces, uma plataforma de aluguel de casas/apartamentos/quartos para estudantes nas principais cidades da Europa. Quando eles entraram em contato comigo eu fiquei muito feliz, era um serviço que eu já conhecia e que me salvou na minha mudança para Lisboa.

Fechamos uma campanha pra eles, com templates, textos e vídeos. Todos os conteúdos patrocinados pela Uniplaces estão (e estarão) assinalados com a logo deles e os links. Realmente é um serviço que eu recomendo de todo o coração para quem vai fazer um intercâmbio ou estudar na Europa.

Você pode ler o meu relato sobre morar em Lisboa aqui e tem um vídeo no IGTV também! Foi o meu primeiro e eu não sou muito boa com vídeos, fico bem nervosa. O que me salvou foi gravar com a câmera frontal, assim eu tava vendo como eu tava ficando, como um espelho.

Esse mês eu tive o prazer de conhecer um novo café em Lisboa também. Eu amei demais o espaço, a comida e o atendimento. O Early Birds serve café da manhã o dia todo, brunch, pros chiques. É tudo muito gostoso, de produção artesanal e a dona é uma fofa! O espaço é novo e foi montado por um casal de russos. Tudo muito lindo, tem wifi, tomadas, comida boa e bem servida, um jardim, espaço pras crianças se você tiver uma e bastante lugar pra sentar. Eu recomendo muito pra quem estiver em Lisboa buscando um café legal com comida boa e espaço pra trabalhar, conversar com os amigos e ter bons momentos.


De coisinhas ganhadas e recebidas por correio, em agosto só teve Yoins. A Yoins é uma loja online de roupas que envia para todo o mundo por um preço bem legal. Fiquei com um pouco de medo das roupas serem mal feitas e tal. Mas me surpreendi muito. Eles me chamaram para divulgar a sessão plus size deles, o que foi um erro, mas tudo bem.

A qualidade das roupas da Yoins é sensacional, de verdade. Os tecidos são bons, as formas bem feitas e o preço é bem ok. Só que eu não sou plus size. Tá bem, certamente eu não sou magra, mas eu não costumo conseguir comprar em sessões plus size. Geralmente me dou bem com um “G”. Tem lojas em que simplesmente não dá, porque as peças são pequenas. Eu adoro a Forever 21, por exemplo, mas eu não consigo comprar todo tipo de roupas lá. As calças do “tamanho normal” não cabem nem na panturilha, mas as do plus size ficam uns 3 números maior que eu. Eu amo as calças de lá, então eu compro plus size, o menor tamanho e costuro. É o jeito.

Mas voltando, tudo o que a Yoins me enviou ficou gigante em mim. Fui eu que escolhi os tamanhos no site, mas exagerei. Pelas medidas que dizia no site iria ficar só um pouco acima. Mas eu percebi que devia ter pedido bem menor. Como me procuraram pela sessão plus size, eu tentei pegar peças de lá.

Pedi 2 peças da sessão plus size e 2 da normal. O body rendado e vestido florido são “normais”, mas tem tamanhos maiores (e eu exagerei):



O vestido de balada dourado e o vermelho são da sessão plus size:



Eu fiquei com muita dó, porque amei as roupas e ficaram grandes. Mas de certa forma fiquei muito feliz também porque significa que qualquer roupa que tem no site vai ter um tamanho pra mim! E é bem difícil comprar roupas online quando você sabe que não cabe num “M” genérico.

Dica da Júlia: Se for comprar na Yoins, use o Méliuz, ele te dá uma porcentagem do dinheiro gasto de volta! Se cadastrando nesse link você já ganha R$5 de saldo e vai acumulando pra sacar depois. Não são muitos sites internacionais que usam o Méliuz, então é sempre bom avisar.

Qualquer dúvida sobre os produtos, pode me mandar uma mensagem no Instagram :)

Mês que vem eu volto com as novas e velhas parcerias! (Caso você seja uma marca e queira me mandar um presentinho ou pensar numa campanha, me manda um email: juliaorigeoliveira@gmail.com)


Navegue pelo Quem vai e quem fica:
Receba dicas de viagem por email:
  • Instagram
  • YouTube
  • Pinterest
Páginas principais:
Atalhos: