• Guia de Investimento

Dicas de viagem: o que todo viajante deveria saber



Fazer uma viagem, seja para estudos ou lazer, é sempre uma boa oportunidade de renovação de energias, além de ser um ótimo momento para viver experiências inéditas. No entanto, para que tudo saia dentro dos conformes, é importante seguir dicas de viagem.


Isso porque grande parte das pessoas que viajam, não tem o costume de fazer esse deslocamento com frequência.


Não que algo vá dar errado na sua experiência, mas é sempre bom estar preparado para situações inusitadas, estressantes e até mesmo imprevisíveis, que podem te desanimar e reverter totalmente um sentimento positivo.


Pensando nisso, elaboramos este artigo com dicas de organização e planejamento da sua viagem. Acompanhe até o final!


Por que planejar é importante?

Ao viajarmos, temos sempre que ter em mente que vamos conhecer novos lugares, criar novas e boas lembranças e conhecer novas pessoas, podendo aproveitar tudo o que está ao nosso alcance antes de voltarmos para nossa vida rotineira e agitada.


Para manter ao máximo essa realidade que imaginamos e investimos para a viagem, é interessante planejar e procurar maneiras de se antecipar aos possíveis problemas que podem surgir.


Por exemplo, ao viajar para um país até então nunca visitado, onde a língua usada seja bastante específica da região, você pode ter problemas relacionados à localização ou encontro de lugares como hospitais, embaixadas ou aeroportos.


Em outro caso, você pode sofrer um pequeno acidente no hotel. Para isso, é preciso ter dinheiro extra, uma reserva de emergência que deve ser planejada com antecedência para essas e outras situações.


Uma possibilidade é, ainda, precisar de um visto específico para uma escala em um aeroporto. Nem sempre o local irá conter um banner informativo para que você possa tirar suas dúvidas.


Por essas e outras, o planejamento e a checagem devem ser sempre feitos por você.


Além dessas situações, existem ainda algumas considerações a serem devidamente notadas no momento do embarque, da hospedagem e até da arrumação dos itens dentro da sua mala, bem como a ciência do que pode ser levado ou não.


Dicas de organização de viagem

Pensando em todas as possibilidades de imprevistos que podem acontecer, separamos algumas dicas essenciais para que você aproveite o máximo da viagem, sempre com a preparação necessária para esses eventuais problemas:


1 - Bagagem

Saber o que levar é essencial em qualquer viagem, uma vez que evita o acúmulo de coisas desnecessárias, confiscação de objetos pelas equipes dos aeroportos, além de que também ajuda na organização da mala no momento em que você for retornar.


Tudo pode variar de acordo para o local que você vai, mas alguns itens que não podem faltar são:



Além desses itens, pode ser que seja necessário levar mais casacos para viagens em localidades frias e mais toalhas, dependendo do tempo que você for ficar.


Alguns brinquedos e distrações para o caso de crianças na viagem também devem ser considerados, bem como biquínis e bermuda tactel elastano para lugares mais quentes, entre outros.


Sobre os itens que não podem ser levados: objetivos cortantes, animais de estimação, bombas ou qualquer outro tipo de artefato explosivo ou que pegue fogo.


Na organização, é importante pensar no espaço que você vai precisar na volta. Para conseguir mais espaço, você pode enrolar roupas, guardar cabos e fones em uma única bolsa ou caixa, e reunir todos os sapatos em sacola tecido.


Lembre-se de colocar uma fita ou qualquer outra forma de identificação na sua mala. Isso vai te ajudar na hora de procurar por ela ao desembarcar no aeroporto grande.


Ademais, em bagagens de mão, fique atento para produtos cosméticos e álcool líquido, que pode ser usado apenas em gel, principalmente em voos internacionais, que existe uma quantidade determinada de cosméticos líquidos a serem carregados.


2 - Documentação

Antes de viajar, faça uma checagem demorada sobre os documentos que precisam ser levados. Verifique o estado dos seus documentos, pois caso a leitura e visualização estejam difíceis, é possível que eles não sejam aceitos.


Por isso, tenha em mente que levar pelo menos dois documentos de identificação com foto a mais é uma boa alternativa, para casos de perdas e danos.


Se for viajar para outros países, tenha em mãos a carteira de vacinação e procure se regularizar quanto às medicações e vacinas a serem tomadas. Esse caso é o mesmo em viagens com animais, que precisam ser autorizadas por veterinários.


Reúna numa pasta ou em uma bolsa toda a documentação necessária, incluindo seu passaporte, um folder de viagem ou mapas. Para facilitar, caso não queria levar muitas identidades, tenha sempre seus documentos escaneados no celular ou em um aplicativo.


3 - Passagens e locomoção

Assim como seus documentos, tenha sempre em mãos, se puder, uma versão impressa do seu cartão de embarque. Uma semana antes da sua viagem, procure se informar sobre a data, hora e local da partida, checando se o voo continua confirmado.


Hoje, grande parte das pessoas prefere fazer o check-in de presença do voo da própria casa, até mesmo antes de chegar no aeroporto, por meio de aplicativos ou pelo site. Essa é uma boa opção para adiantar possíveis atividades, caso esteja atrasado.


Ao chegar no seu destino, resolva rapidamente as burocracias com possíveis aluguéis de carros ou tomada de táxis e aplicativos de carona. Além do mais, tenha sempre em mãos o endereço certo onde ficará hospedado.


4 - Hospedagem

Na sua hospedagem, procure verificar rapidamente as condições do quarto, seja em um hotel ou pousada. Veja se o banheiro tem chuveiros, privadas e torneiras em pleno funcionamento, se falta papel higiênico ou se existe algum problema de limpeza.


Se preferir alugar um apartamento ou uma casa, que certamente é uma opção mais intimista, invista em alimentos e produtos de cuidados da casa com lacre adesivos, sempre em tamanhos que compensem os dias que você vai ficar no local.


5 - Roteiro da viagem

Você chegou no seu destino e já está acomodado. É hora de começar a pôr em prática seu planejamento de viagem e conhecer tudo o que puder.


Muitas pessoas optam por não fazerem roteiros, apenas conhecerem aleatoriamente os locais, focando em um ou outro ponto que já tinham em mente, mas sem seguir uma lista ou uma agenda.


Acredite, com planejamento, você vai conhecer muito mais lugares!


Faça esse roteiro, se possível, meses antes de viajar. Assim, você terá tempo o suficiente para pesquisar pontos turísticos, ler depoimentos de quem já conheceu o lugar, e também definir coisas para comprar, como vinho de presente.


É importante “saber onde está pisando”, justamente para se prevenir de surpresas, filas intermináveis, pontos turísticos fechados no momento que você for visitá-los e até lugares da cidade onde você pode ter experiências desagradáveis.


Uma questão interessante, embora pouco lembrada, é verificar lugares próprios e impróprios para menores de idade. Essa é uma questão que pode pesar até mesmo na participação de crianças e adolescentes na experiência de viagem.


6 - Pense nos imprevistos

Como falado no início do artigo, coisas inesperadas podem acontecer, e por isso, você deve estar sempre a postos para resolver problemas de forma rápida, prática e sem o auxílio de pessoas que estão longe de onde você está.


Lembre-se de que acidentes, incidentes, perdas e até mesmo esquecimentos podem acabar estressando você. Por isso, tente pensar em todas as possibilidades relacionadas a prejuízos, desde a perda de um óculos feminino de sol a qualquer outra situação.


Leve sempre um dinheiro a mais, seja ele metade no banco, via cartões, ou de forma física. Se for um outro país, procure fazer o câmbio com antecedência, para não causar nenhum tipo de problema ou retenção.


Tenha sempre informações sobre embaixadas, no caso de viagens internacionais, e endereços de pessoas conhecidas ou próximas de amigos e familiares, em lugares dentro do próprio país. Na hora do sufoco é sempre bom contar com pessoas conhecidas.


Conclusão

Apesar de problemáticas que possam ocorrer no meio da viagem, ir para um outro local e sair da rotina e mesmice é sempre uma boa oportunidade de conhecer lugares e conhecer a si mesmo, se desafiando e entendendo limites.


Seguindo as dicas aqui apresentadas, você terá muito mais chances de viajar e aproveitar lugares com o mínimo de problemas ou surpresas, algo que pode ser essencial para viver esse momento tão especial.


Não esqueça de procurar ajuda de amigos e familiares sobre indicações de lugares, pesar a mala antes de viajar, conferir seus assentos e outras pequenas atitudes que podem ser tomadas com antecedência para conferir uma boa viagem.


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


0 comentário
Navegue pelo Quem vai e quem fica:
Páginas principais:
  • Instagram
  • YouTube
  • Pinterest
Assine a nossa newsletter