• Júlia Orige

Como funciona o Vice-consulado de Portugal em Curitiba


O vice-consulado de Portugal em Curitiba não possui um site próprio, o site do consulado geral em São Paulo responde por ele. Assim, toda a documentação necessária está no site de São Paulo, que orienta a enviar seus papeis para um dos vice consulados se for mais perto da sua casa.

Quando minha mãe fez o visto, dois anos atrás, o procedimento era o descrito no site: enviar todos os documentos por correio e esperar ser chamada para a entrevista. Já não é assim, apesar de a relação de documentos continuar a mesma. Mandei toda a papelada para lá na sexta-feira passada (22/07/2016), por sedex, logo na segunda-feira, recebi um email dizendo que eles não abrem o processo de visto sem que eu esteja lá e que a documentação ficaria pendente esperando por mim. E mais umas folhas para imprimir.

Sendo assim, eu teria de ir o mais rápido possível. Minhas aulas começam no início de setembro e eu ainda quero procurar um apartamento, etc. Juntei minhas coisas e estive lá hoje (29/07/2016). Meu pai me acompanhou a Curitiba, mas chegando ao prédio do consulado não pôde entrar comigo. Uma recepcionista muito grossa e de mal com a vida me entregou uma senha e disse com cara de quem desafia pronto para partir para a violência "o acompanhante não vai subir". Até fiquei meia tonta. Por que não? "Não vai subir?" Perguntei. "O acompanhante não vai subir", repetiu ela com cara de triunfo sobre coisa nenhuma.

Cheguei ao prédio as 8:20 da manhã, o consulado abria às 8:30. Fui atendida às 12:15. Haviam trinta e uma pessoas na minha frente, que chegaram antes de mim. Eles atendem apenas 40 pessoas por dia, sem horário marcado, que devem chegar antes do consulado abrir. Grosseria é a especialidade da casa, responder perguntas, nem tanto.

Mas quem me atendeu, ao meio dia, foi simpática, ou estava num bom dia. Foi a mesma pessoa que me mandou email. Encaminhou o processo rápido e disse que estava tudo certo. "Quanto tempo demora?", eu perguntei, "em média 50 dias". Ora, se a média é essa, me pergunto qual seja o prazo máximo. "Eu tenho de estar lá dia cinco de setembro". "Eu ouço isso todos os dias". Se demorarem 50 dias eu perco o começo das aulas e minha vaga.

Eu não tive como fazer o pedido antes, meu passaporte ficou pronto no começo de julho e mesmo assim eu não recebi a carta de aceitação da universidade antes do dia vinte. De qualquer forma é um tanto absurdo pedir cinquenta dias de antecedência para pessoas que dependem de candidaturas a universidades, bolsas e mil burocracias. Isso se pedissem, mas nada avisam em lugar algum, até no site diz vinte dias.

Mas há esperança, o da minha mãe, há dois anos, levou dez dias e a previsão era tão ruim quanto a minha. Só espero que dê tudo certo.

Edit: Meu visto chegou no dia 2 de setembro de 2016.

Saiba tudo o que você precisa para fazer um visto de estudante para Portugal aqui!


Navegue pelo Quem vai e quem fica:
Receba dicas de viagem por email:
  • Instagram
  • YouTube
  • Pinterest
Páginas principais:
Atalhos: