Newsletter de promoções de viagem:

  • Júlia Orige

Jardim Botânico do Rio de Janeiro: tudo o que você precisa saber antes de visitar

Atualizado: 2 de nov. de 2021


O Jardim Botânico do Rio de Janeiro é um dos principais jardins do mundo, com mais de 6 mil espécies de plantas diferentes. Já foi declarado Patrimônio Histórico Nacional e é um dos cartões postais do Rio. É um respiro de natureza organizada, criada num mundo que já não existe, onde reis e rainhas governavam o Brasil.


Normalmente quem viaja para o Rio de Janeiro pensa primeiro em praia e festa, antes de pensar na história. Mas o Rio já foi a capital do Império Português e participou da maior parte dos episódios da história do Brasil.


Caminhando pelas ruas ensolaradas da cidade maravilhosa você vai ver vários prédios, igrejas e palacetes dignos erguidos pela realeza europeia, contrastando com a modernidade de hoje e com o clima de praia do Rio de Janeiro.


O Jardim Botânico é um ótimo passeio para quem está fazendo um roteiro de viagem pelo Rio de Janeiro. Aqui nesse post você encontra todas as informações de que precisa para conhecer essa parte do Rio!


Encontre aqui passagens aéreas baratas para o Rio de Janeiro


História do Jardim Botânico

A instalação do Jardim Botânico começou em 1808, ordenado por D. João VI logo depois de chegar ao Brasil.


1808 foi o ano em que a família real portuguesa se viu encurralada pelas tropas de Napoleão. Para se salvarem, transferiram a corte de Lisboa para o Rio de Janeiro.


O novo mundo era muito diferente de Lisboa, então a família real se viu na tarefa de construir uma cidade "digna" de sua presença.


No local onde hoje fica o jardim funcionada uma fazenda de cana de açúcar. Com a chegada da família real, foram criados no local o Horto Real e uma fábrica de pólvora.


D. João VI ordenou a criação do Jardim Botânico do Rio de Janeiro para realizar a aclimatação de diversas plantas trazidas do mundo todo, em especial as especiarias do Oriente, que motivaram as Grandes Navegações.


Foram feitos diversos estudos para adaptar as plantas ao novo clima. Além dos estudos de biologia, foram feitos também avanços mais econômicos. Como o cultivo da palha de bombonaça, que é usada para confeccionar chapéus, aqueles conhecidos como Chapéus do Panamá.


Na época do Império o jardim se chamava Horto Real. Só depois da independência do Brasil em 1822 é que passou a se chamar Imperial Jardim Botânico. Depois da proclamação da república, em 1890, o "imperial" se perdeu.


Antes da independência, o Horto Real era frequentado apenas por pessoas da alta sociedade como uma forma de lazer. Foi também muito utilizado para receber estrangeiros influentes, já que era um espaço agradável e impressionante.


Depois, com o Brasil sendo um país, o acesso ao jardim ficou mais aberto, sendo visitado por toda a sociedade à passeio. O Jardim Botânico do Rio de Janeiro foi visitado até por Albert Einsten, sabia?

Dentro do jardim você pode encontrar algumas construções históricas, como essa fachada acima, que pertenceu à Imperial Academia de Belas Artes, fundada por D. João VI.


Saiba mais sobre o patrimônio histórico no jardim no vídeo abaixo. Esse vídeo foi feito pelo próprio Jardim Botânico para divulgação da trilha do Patrimônio, onde você consegue percorrer cada prédio e monumento histórico.


Além da história, no jardim você encontra uma natureza exuberante, inclusive de animais!


Reserve hotéis no Rio de Janeiro aqui


Onde fica o Jardim Botânico do Rio de Janeiro?

Bom, o Jardim Botânico fica no Bairro Jardim Botânico, na Rua Jardim Botânico... no Rio de Janeiro. Ele é bem grande, é fácil de achar! Mas pra não errar, estão aqui as coordenadas, só clicar no link que vai te direcionar para o maps.


O bairro é bem tranquilo, pode andar a pé. Para incluir o passeio no seu roteiro de viagem, recomendo visitar o Jardim Botânico no mesmo dia do Parque Lage.


Leia também: All inclusive: conheça os 7 melhores resorts do Brasil! (com preços)


Quanto custa o Jardim Botânico? + Infos práticas

As entradas para o Jardim Botânico do Rio de Janeiro tem preços diferentes dependendo do local onde você mora:

  • Visitantes estrangeiros: R$ 60,00.

  • Visitantes estrangeiros Mercosul: R$ 45,00.

  • Visitantes residentes no Brasil: R$ 24,00.

  • Visitantes residentes na Área Metropolitana do Rio de Janeiro: R$ 15,00

O ingresso pode ser comprado na hora, na bilheteria, apenas em dinheiro. Eles não aceitam pix nem cartão de crédito. Mas é possível comprar online, com antecedência ou na hora. Para comprar os ingressos online acesse esse site.


Caso você queira uma visita guiada, indico essa aqui que é em conjunto com a visita ao Parque Lage. Mas atenção, esse é o preço da visita guiada, não inclui o ingresso para o Jardim Botânico.


Horários do Jardim Botânico:

Segunda: de 12h às 17h

De terça a domingo: das 8h às 17h




Veja mais dicas de viagem do Rio de Janeiro:

Esse conteúdo foi útil pra você e quer oferecer um cafézinho como agradecimento? Pode fazer isso via PIX (juliaorige@gmail.com) ou via PicPay (https://picpay.me/juliaorige). Qualquer valor de contribuição é bem vindo mesmo, um café custa R$ 3 aqui do lado! Com a sua ajuda eu posso continuar trazendo dicas exclusivas por aqui.




Posts Relacionados

Ver tudo