Newsletter de promoções de viagem:

  • Júlia Orige

Piquenique em Lisboa: 6 parques perfeitos

Atualizado: 7 de out. de 2021

Lisboa é uma cidade super ensolarada, com uma média de 260 dias de sol por ano. A vida lisboeta acontece na rua, nos parques e esplanadas (mesinhas na rua). Até a noite lisboeta é nas ruas do Bairro Alto, com seus bares apertados onde só dá para buscar bebida e se aglomerar nas calçadas para beber alegremente.


Se você gosta de fazer piqueniques, Lisboa é a cidade perfeita para isso. Nesse post eu separei 6 parques perfeitos em Lisboa para um piquenique gostoso e instagramável. Também assinalei onde você pode buscar as comidinhas e bebidas para o piquenique.


Veja a localização dos parques e dos mercados aqui nesse mapa:

Se você for incluir no seu roteiro de Lisboa um piquenique, já salva esse mapa na estrelinha ali em cima. Assim você consegue acessar ele depois pelo app do Maps.


Top 6 lugares para piquenique em Lisboa:


1. Jardim da Torre de Belém

A Torre de Belém é uma fortificação de onde saiam as caravelas e naus para descobrir o Novo Mundo durante as Grandes Navegações. A torre fica dentro do rio Tejo e compõe uma das mais belas paisagens de Lisboa.


Em frente à Torre de Belém há um jardim gigantesco, com grama. Durante o verão costumam acontecer festivais de música gratuita por ali, com barraquinhas de comida e bebida. Essa foto aí eu tirei durante uma apresentação de Jazz na rua, em agosto de 2017.


É um local bem agradável para um piquenique, inclusive dá para buscar uma caixinha de Pastéis de Belém ali perto, na fábrica original.


Para chegar no jardim, você pode pegar o trem no Cais do Sodré, em direção à Cascais e parar na Estação de Belém. É preciso andar um pouco, mas vale o passeio também.


Aqui nesse texto eu ensinei como usar o transporte público em Lisboa, especial para brasileiros.


2. Jardim da Estrela

Essa foto foi tirada durante uma Parada LGBT em Lisboa, não é sempre essa festa. Mas o Jardim da Estrela é um parque super arborizado, numa região mais calma de Lisboa. Tem pontos turísticos por perto, como a Basílica da Estrela e a Casa de Fernando Pessoa, mas não são tão badalados.


É um ótimo lugar para passar mais tempo e tem muitas sombras, ótimo para dias muito quentes.


3. Passeio Heróis do Mar

Esse parque quase desconhecido por turistas tem uma vista privilegiada da Ponte Vasco da Gama, a maior da Europa. É um parque mais frequentado por moradores locais, que vão passear com os cachorros, correr ou jogar futebol. Tem uma pista de skate ali também.


Ele fica perto do Parque das Nações, dá para ir andando da Estação Oriente mas é uma pernada. É um local mais calmo, ótimo para piqueniques românticos (eu já fiz muito isso). Do outro lado da rua tem um Pingo Doce (mercado) onde você pode buscar seus suprimentos.


4. Alameda Dom Afonso Henriques

A Alameda é uma grande praça no centro da cidade, um local lindo, movimentado e bem seguro. Eu morei na rua ao lado por 2 anos e sou apaixonada nesse lugar. Fiz muitos piqueniques noturnos ali, começando de madrugada mesmo.


Só tem um porém, a parte de grama não tem praticamente nenhuma sombra. As sombras são de árvores na parte de calçada. Então se você fizer questão de sentar na grama, tem que ir num dia sem muito sol ou mais no fim de tarde/noite.


Na parte de cima da Fonte Luminosa, tem umas mesinhas que podem ser utilizadas. Lá embaixo tem mesinhas também, mas normalmente estão ocupadas por senhores do bairro jogando xadrez.


É bem comum ter feirinhas por aqui, ou até parques de diversão itinerantes. A fonte liga e desliga ao longo do dia, espere para vê-la ligada.


5. Miradouro do Adamastor

Esse mirante fica no Bairro Alto e é muito frequentado durante o pôr do sol. O nome oficial é Miradouro de Santa Catarina, mas todo mundo conhece como Adamastor, por causa da estátua que tem Ali tem um barzinho, caso você queira mudar o rolê, mas também tem uma graminha e escadinhas onde dá para fazer um piquenique.


Recomendo passar na Manteigaria, que é uma confeitaria especializada em pastéis de nata, e levar uma caixinha para comer ali. O pôr do sol é perfeito e pode ser o seu pré-rolê de noite no Bairro Alto.


6. Jardim da Fundação Calouste Gulbenkian

A Fundação Gulbenkian é uma instituição de pesquisa e apoio à arte e cultura. Tem dois museus, uma biblioteca e um jardim incrível. O jardim é de acesso livre e gratuito. E o espaço é incrível, com laguinhos, patos, bancos e esculturas espalhadas.


Perfeito para um piquenique em Lisboa. Ele fica ao lado do Centro Comercial El Corte Inglês e perto do Parque Eduardo VII. Como eu fiz faculdade na rua ao lado, frequentei muito o jardim, nos meus intervalos de almoço tinha o costume de buscar comida no mercado perto e comer na grama.


Super recomendo!



Quer conhecer Lisboa melhor? Dê uma olhada em todos os posts do blog sobre Lisboa. Talvez você encontre as dicas que está precisando!


Mais dicas de viagem aqui no Quem vai e quem fica:


Esse conteúdo foi útil pra você e quer oferecer um cafézinho como agradecimento? Pode fazer isso via PIX (juliaorige@gmail.com) ou via PicPay (https://picpay.me/juliaorige). Qualquer valor de contribuição é bem vindo mesmo, um café custa R$ 3 aqui do lado! Com a sua ajuda eu posso continuar trazendo dicas exclusivas por aqui.