top of page
Quem vai e quem fica - Marca.png
  • Foto do escritorJúlia Orige

O que fazer em Toledo? Roteiro de 24hrs na capital medieval da Espanha (com preços)


Toledo foi a capital medieval da Espanha e é fácil um dos top 5 lugares mais lindos que eu já vi. Talvez para mim seja o primeiro, mas é porque eu AMO essa estética medieval. É uma cidade murada, no alto à beira do rio Tajo (que é o mesmo Tejo que desagua em Lisboa) com muitas ruelas fofas e comida gostosa.


Toledo fica à 30 minutos de trem de Madri, ou 1 hora de ônibus/carro. As duas vezes que eu fui peguei o trem, comprando a passagem na hora mesmo.


Eu sou absolutamente apaixonada por esse lugar, recomendo pelo menos um bate e volta de Madri durante uma viagem à Espanha.


Aqui nesse post você vai ler tudo o que precisa saber antes de conhecer Toledo na Espanha, esse é um roteiro completo de o que fazer em Toledo em 24hrs. Esse roteiro pode ser utilizado para uma viagem de bate e volta ou para quem quer se hospedar um dia na cidade. Eu recomendo ficar lá pelo menos um dia, a cidade fica uma graça durante a noite e os restaurantes são bem gostosos e mais baratos do que em Madri.


Esse post é meio longo então aqui está o índice, pra navegar mais fácil:


Ruelas de Toledo, Espanha
Ruelas de Toledo, Espanha

Sabia que para entrar na Europa o seguro de viagem é obrigatório? Cote o seu aqui na Seguros Promo com o nosso desconto exclusivo, é só usar o cupom QUEMVAIEQUEMFICA.


História de Toledo

Toledo é conhecida como a capital medieval da Espanha, a cidade das três culturas. Mas Toledo é muito mais antiga do que a Idade Média. A cidade foi fundada no século 3 antes de cristo e fez parte do Império Romano, que deixou muitas marcas na Península Ibérica, são várias cidade em Portugal e Espanha que tem ruínas romanas.


Em Évora, ao sul de Lisboa, tem um templo romano muito bem preservado, por exemplo. Córdoba também é uma cidade com ruínas romanas bem conservadas, que dão para identificar o que foram um dia.


O Império Romano fez muitas obras na Península Ibérica, além de trazer sua cultura. Em Toledo pouca coisa se preservou, o mais marcante é a ponte de pedra, que é o cartão postal da cidade. Apesar de já ter sido modificada ao longo dos anos, a Ponte de Alcântara foi desenhada e erguida pela primeira vez pelos romanos.


Ao longo da Idade Média Toledo foi lar para vários povos que passaram na região, que ficaram conhecidos como bárbaros. Os Suevos, Alanos, Vándalos e Visigodos.


Depois a Península Ibérica inteira foi tomada pelos mouros, um povo árabe do norte da África, que dominou a região onde hoje é Portugal e Espanha por 800 anos.


Sob o domínio mouro, Toledo cresceu como cidade. O império mouro na Espanha era conhecido por tolerar bem as diferentes religiões, ao contrário do mundo medieval católico. Dentro das muralhas de Toledo foram construídas igrejas católicas, sinagogas e mesquitas. Por isso é chamada de a cidade das 3 culturas.


Toledo está construída numa curva do rio Tejo, muito bem protegida, os mouros ergueram muralhas de pedra para aumentar a proteção contra invasões. Essas muralhas existem ainda hoje, com algumas portas lindíssimas que podemos visitar.


Desde antes de cristo Toledo era conhecida pela qualidade do aço, produzindo as melhores espadas que fizeram parte de guerras na Europa inteira. Passeando por lá você vai encontrar muitas espadas, facas e adagas à venda. São lindas, mas cuidado com esse souvenir se estiver viajando só com mala de bordo, as lâminas não podem ter mais de 6 cm. Mas pode levar na mala despachada, se quiser.


Além das espadas, Toledo tem artes incríveis, é o chamado Damasquinado, uma pintura em fios de ouro em cima de aço preto. Tem quadros, pratos decorativos e joias. São lindíssimos, veja um exemplo:

Foto https://www.flickr.com/photos/krossbow/23924556629

O damasquinado é uma arte muito antiga, que hoje é vista também em Kyoto, no Japão. Mas quase desapareceu no resto do mundo. Diz-se que esse tipo de arte foi inventada pelo povo de Damasco, mais de 2 mil anos antes de Cristo. Quando os mouros vieram para a Espanha trouxeram consigo algumas peças de damasquinado, e assim a arte foi introduzida à Toledo.


E em Toledo a arte passou de geração em geração, conservando essa tradição linda que mudou pouco ao longo dos anos.


Toledo foi conquistada pelos católicos em 1162, pelo Rei Fernando II de Leão.


Depois, no século 13 Toledo passou a ser um importante centro cultural. Tinha uma grande escola de tradutores, que trabalhou em obras gregas, hebraicas e árabes.


Cervantes descreveu Toledo como a 'glória da Espanha' em seus livros, por causa da sua arquitetura e arte. Parte de Dom Quixote se passa em Toledo e Cervantes afirmou que a ideia para o livro surgiu na cidade.


Onde ficar em Toledo?

Se você escolher se hospedar na cidade, existem várias pousadas bem aconchegantes. Eu me hospedei no Hostal Cisneros na primeira vez que estive em Toledo e amei demais, fica do lado da Catedral e era uma antiga residência de monges.


A categoria de "Hostal" na Espanha é algo como as nossas pousadas, não são hostels. Mas também não são hotéis, não tem serviço de quarto e café da manhã.


Eu recomendo que você se hospede dentro das muralhas de Toledo, assim vai poder dar uma volta durante a noite. É uma experiência ótima, como a cidade é muito visitada como um bate-e-volta de Madri, poucos turistas passam a noite. Toledo fica linda iluminada à noite.


Quanto tempo ficar em Toledo?

A cidade é bem pequena, dá para conhecer toda em um dia. Mas se quiser uma viagem mais tranquila, de descanso, é um local bem agradável para passar uns dias.


Não é absolutamente necessário dormir em Toledo, é tranquilo fazer um bate-e-volta ou uma excursão com outra cidade combinada. Só fica um pouco mais corrido.



Como chegar em Toledo a partir de Madri?

Para chegar em Toledo você pode ir de trem, de ônibus ou de carro. Fica à 80km de Madri e leva cerca de uma hora de carro ou ônibus para chegar lá. Mas de trem fica 30min, porque é o trem de alta velocidade.


Se quiser ir de trem, você pode reservar os bilhetes através do site da Renfe, que é a operadora ferroviária da Espanha. Ou comprar na hora, no guichê ou nas maquinas da estação de trem. O trem que vai até Toledo saí da estação Madri - Puerta de Atocha. Ele custa a partir de 11 euros.


Já se preferir ir de ônibus, saí um pouco mais barato, a partir de 5 euros e você pode comprar aqui no site da Alsa. Mas leva 1hora para chegar.


Eu recomendo ir de trem, é mais confortável e rápido. Esse aqui embaixo é o trem que eu cheguei em Toledo:

o que fazer em toledo
Estação de trem, Toledo, Espanha

A estação de trem de Toledo fica fora da cidade murada, do outro lado do rio Tajo. Então é preciso fazer uma caminhadinha à pé. É bem tranquilo de ir andando, fica perto e a vista é linda. Mas se achar necessário chame um Táxi.


Escadas rolantes de Toledo

Toledo fica no alto, é uma cidade medieval murada. Isso significa que tem que subir uma bela de uma ladeira. Mas existem escadas rolantes que fazem boa parte do trabalho por você.


Na primeira vez que eu fui a Toledo estava um calor dos infernos, 44º graus no termômetro da rua. Um sol de rachar e eu com malas - e sarna, porque eu peguei sarna nessa viagem, mas eu ainda não sabia disso, eu achei que era uma alergia qualquer.


Sai da estação e subi tudinho a pé, pra chegar no hostal e o moço olhar pra mim e dizer "veio pelas escaleras?" Escaleras??? Haviam escaleras??


Bom, você não precisa passar por isso. As escadas rolantes não são beeem na base, tem que andar um pouquinho. Recomendo passar a ponte de Alcântara, assim você já passeia um pouco também, e entrar na cidade pela Puerta de Alcântara, que fica bem de frente pra ponte.


Virando à direita e andando um pouco você já acha a entrada para as escadas rolantes. Pra você não se perder eu assinalei a ponte e as escadas aqui no Mapa Mundi de dicas de viagem. Agora vamos para o nosso roteiro de o que fazer em Toledo na Espanha?


Roteiro de viagem de Toledo, a capital medieval da Espanha

Para conhecer bem Toledo em 24hrs eu recomendo que você saia de Madri cedo, assim, pelo menos umas 9hrs da manhã.


Toledo é um museu a céu aberto, uma cidade impressionante por si só, recomendo que além de seguir esse roteiro aqui você também se perca um pouco andando pelas ruas. A cidade toda foi eleita Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO em 1986.


Esse roteiro foi pensado para fazer em ordem, considerando a distância de cada atração e o caminho a se fazer a pé para chegar em cada coisa. Ele é todo pensado para ser feito caminhando, Toledo é uma cidade pequena, só é bem acidentada. Vá com calçados confortáveis.


Puerta del Sol

Uma das portas da cidade, muito bem conservada. Ela foi construída entre o século 13 e 14 em um estilo mudéjar tradicional (mulçumano). Antigamente havia um portão que precisava ser aberto para permitir a entrada dos visitantes, hoje a entrada é livre.

Logo acima da entrada há um medalhão esculpido em pedra na Puerta del Sol em Toledo. Nesse medalhão está representado São Ildefonso, que foi um arcebispo de Toledo entre 657 e 667. Ele foi considerado um santo e patrono de Toledo.


A Puerta del Sol tem esse nome por causa de sua localização, é uma ótima opção para ver o sol de pôr também. Mas como só temos um dia em Toledo, recomendo que você pegue o entardecer na ponte de Alcântara.


Plaza Zocodover

A Plaza Zocodover é a praça principal de Toledo, um espaço quadrado entre prédios, típico dessa região. Era aqui que funcionava o mercado da cidade, durante a maior parte de sua história.


"Zocodover" é uma palavra de origem árabe que significa "mercado dos animais de carga", ou seja, onde se vendiam cavalos, mulas, vacas, etc.


Plaza Zocodover toledo
Plaza Zocodover

Também aconteciam touradas nessa praça. Além disso, a Plaza Zocodover foi um palco para os autos-da-fé da Inquisição espanhola, onde aconteciam execuções em praça pública.


Hoje é cercada por restaurantes e hotéis. Um ótimo lugar para parar para almoçar, nos arredores da praça você encontra várias opções de alimentação, o único lugar de Toledo com fast foods. Mas também vários restaurantes locais, simples ou chiques.


Estátua de Cervantes e Arco de la Sangre

O Arco de La Sangre é uma porta monumental que liga a Plaza Zocodover à Rua Cervantes, onde você encontra vários restaurantes e barzinhos agradáveis. Apesar da praça ter sido remodelada no século 16, o arco é original do século 10, de origem árabe.


Logo que você desce, da praça atravessando o arco, tem uma estátua de Cervantes, provavelmente o mais famoso e importante escritor espanhol.


Estátua de Cervantes, Toledo
Estátua de Cervantes, Toledo

Pare para almoçar nessa região, antes de seguir viagem. Na Plaza Zocodover fica a Confiteria Santo Tomé, onde se vendem as tradicionais Mazapans. São doces feitos de farinha de amêndoas e mel, é uma delícia para comer de sobremesa ou com um cafézinho. Não deixe de experimentar.

Mazapan - Doce tradicional de Toledo
Mazapan - Doce tradicional de Toledo

Catedral de Toledo

A Catedral de Toledo é considerada a obra mais importante do estilo gótico na Espanha. Ela foi construída entre 1226 à 1493, e seu projeto foi baseado na Catedral de Bourges, na França.

catedral de toledo espanha
Catedral de Toledo

Dentro da Catedral de Toledo é possível ver obras de Caravaggio, Ticiano, Goya e El Greco.


A catedral é gigantesca, tem ao todo 120 metros de comprimento e 32 de altura. São 88 colunas sustentando o teto, é até dificil de tirar fotos.


catedral de toledo espanha
Retábulo do Altar Mor

Essa foto acima é do Retábulo do Altar Mor da Catedral de Toledo, ele foi feito por vários artistas. Todas as figuras ao serem olhadas de baixo parecem ter o mesmo tamanho, mas na verdade elas foram projetadas em tamanhos diferentes para dar essa impressão à quem olha.


A entrada para a Catedral de Toledo custa 10 euros, vale super a pena.


Mosteiro San Juan de Los Reyes

Depois de conhecer a Catedral de Toledo, vá para o Mosteiro de San Juan de Los Reyes. É uma construção lindíssima, que me lembrou muito o Mosteiro dos Jerónimos em Lisboa. Eles foram construídos praticamente na mesma época.


mosteiro san juan de los reyes
Foto: Wikimedia Commons

A visita ao Mosteiro San Juan de Los Reyes é composta pela Igreja, Claustro Alto e Claustro Baixo. A entrada custa 3 euros.


Agora você está do outro lado da cidade, a forma mais fácil de voltar e ir para a última atração do dia é saindo da cidade murada e andando ao redor na parte baixa.


Saia pela Puerta del Cambron, que está logo abaixo do mosteiro e contorne a cidade pela direita, para pegar o caminho mais curto. Ou vá pela esquerda, contornando o rio Tajo, para o caminho mais bonito. A rota menor tem cerca de 1,5km e a maior 3,6km.


Ponte de Alcântara ou Mirador del Valle

Você vai voltar lá por onde começou, para apreciar a vista com calma, de preferência no pôr do sol, que fica especial por ali. Se você é o tipo de pessoa que não gosta de ver duas vezes a mesma coisa, mesmo que antes só tenha passado rapidinho, você pode ir para o Mirador del Valle.


É um mirante do outro lado do Rio, ele fica a cerca de 3km do Mosteiro San Juan de Los Reyes. Mas é bem no alto, então talvez valha a pena pegar um táxi.



Se você tiver mais tempo em Toledo, você pode visitar também:

  • Museo El Greco

  • Igreja de San Ildefonso

  • Sinagoga del Transito

  • Siganoga Santa Maria La Blanca

  • Cueva de Hércules

  • Museu de los Concilios y la Cultura Visigoda

  • Museu de Santa Cruz


Dicas de viagem para Toledo no mapa:

Como sempre, todas as dicas de viagem de Toledo estão assinaladas no meu Mapa Mundi de Dicas de viagem, é só dar um zoom na região de Toledo ou digitar na barra de pesquisa.


Nesse mapa eu assinalo todos os locais que eu vou e recomendo, assim como alertas de locais perigosos, restaurantes legais e dicas especiais e exclusivas. Ele é um mapa hospedado no Google Maps, se quiser você pode salvar ele no seu google, clicando na estrelinha abaixo. Assim você consegue acessar ele pelo seu app do Maps, na sessão de "meus mapas".


Ele funciona como uma camada extra do Google Maps, integrado com as outras informações que já existem. Quando tiver o ícone bonitinho já sabe que é dica minha!


Orçamento de viagem para Toledo, Espanha:

Para saber quanto vai custar a sua viagem para Toledo na Espanha, eu calculei os custos desse roteiro aqui de 1 dia, considerando passar uma noite na cidade. Os valores são calculados para 4 perfis de viajante, como todos os orçamentos de viagem aqui do Quem vai e quem fica. Eu separo os perfis assim:


  • Mochileiro: viaja o mais barato possível, está sempre buscando promoções e cupons, dorme em hostel, compra comida no mercado, fast food e restaurantes baratos, usa somente o transporte público se houver essa opção

  • Econômico: gosta de economizar mas não divide quarto, fica em hotéis simples, se alimenta de restaurantes baratos e fast food, mistura transporte público com Uber

  • Conforto: fica em hotéis confortáveis, geralmente 3 estrelas, divide a alimentação entre restaurantes baratos e restaurantes caros, só usa Uber ou aluga carro

  • Luxo: só fica em hotéis 4 ou 5 estrelas e come em restaurantes caros, usa Uber ou aluga carro


Para esse roteiro de Toledo eu considerei 3 refeições na cidade, o transporte ida e volta de Madri e as entradas para a Catedral e para o Mosteiro.



Sugestão de hospedagem para cada perfil de viajante em Toledo:


Lembrando que o Seguro de viagem é obrigatório para entrar na Europa, se você vai viajar cote o seu seguro aqui. Com o cupom QUEMVAIEQUEMFICA você ganha 5% de desconto extra.


Se você gosta de dicas de viagem se inscreva no meu canal do YouTube


Esse post foi útil pra você? Se sim, considere reservar seu hotel, passeio ou seguro de viagem por um dos links aqui do post. Esse blog é feito de forma independente e gratuita. Ao reservar sua viagem por um dos nossos links de afiliado eu ganho uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso. Assim você me ajuda a continuar trazendo conteúdos de graça por aqui.


Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


bottom of page