• Júlia Orige

Roteiro de Lisboa: o que fazer em 5 dias na capital portuguesa

Atualizado: Mai 4

Esse conteúdo está em vídeo também, assista aqui nessa playlist:

Gosta de dicas de viagem? Inscreva-se no canal


Roteiro de Lisboa: 5 dias na capital portuguesa

Para conhecer os pontos turísticos principais de Lisboa eu recomendo que você fique pelo menos 5 dias inteiros. A cidade é bem interessante e alguns passeios são bem cansativos, por isso reserve um tempinho extra. Nesse roteiro você vai encontrar várias recomendações de o que fazer em Lisboa, o que comer, onde comer e como se divertir.


Dia 1 em Lisboa | Roteiro de viagem


Região de Belém

Belém é como se fosse um bairro de Lisboa, é onde você encontra o Mosteiro dos Jerónimos, os famosos pastéis de Belém e a Torre de Belém.


Para conseguir seguir esse roteiro você tem que sair cedo da sua hospedagem. Recomendo estar em Belém às 9hrs para não pegar fila nos Pastéis de Belém. Então esteja no Cais do Sodré umas 8:30.


Como chegar:

Comboio: Linha de Cascais, direção Cascais.


Pegue um trem (comboio) no Caís do Sodré, é a maneira mais rápida e com menos aglomeração para chegar em Belém. Desça na estação de Belém.


A melhor forma de transporte em Lisboa pro turista é o transporte público ou uber/Bolt/Taxify. O transporte público é bem eficiente e no geral mais rápido do que andar de carro. E os estacionamentos em Lisboa são... complicados.


Se você optar pelo transporte público pra sua viagem a Lisboa, dá uma olhada nesse vídeo onde eu explico como usar o metro, o comboio e os ônibus na cidade:




Roteiro de Lisboa no mapa

Para acompanhar esse roteiro no mapa, acesse o mapa mundi de dicas de viagem abaixo. É só dar zoom na região de Lisboa, você vai ver as linhas do roteiro.


Abrindo o mapa em tela cheia (no quadradinho do canto direito superior) você consegue acessar também a legenda do mapa. Os roteiros diários estão desenhados em linhas em cima do mapa e estão na parte da legenda de "roteiros de viagem", estão nomeados como:


  • Lisboa - Dia 1

  • Lisboa - Dia 2

  • Lisboa - Dia 3

  • Lisboa/Sintra - Dia 4

  • Lisboa/Cascais - Dia 5


1ª parada: Pastéis de Belém

Hora: 9:00

A primeira parada do dia é para experimentar os famosos pastéis de Belém, pegue uma caixinha com alguns e sente na Praça do Império para comer com calma.


A ideia é chegar cedo para evitar a fila enorme de turistas.


Pastel de belém lisboa
Pastel de Belém - Foto: Júlia Orige

Leia também: 9 comidas portuguesas para experimentar em Portugal


2ª parada: Mosteiro dos Jerónimos

Para evitar a fila da bilheteria, recomendo comprar o ingresso para o Claustro do Mosteiro dos Jerónimos online, aqui no Get Your Guide tem pelo mesmo preço da bilheteria.


No Mosteiro dos Jerónimos existem duas entradas, uma para o museu arqueológico, que eu particularmente acho que não vale a pena entrar, e o Claustro. Cada uma das opções de entrada custa 10 euros.


Esse que eu indiquei acima é a entrada do Claustro, que eu acho IMPERDÍVEL. Sério, dá uma olhada nessa foto:

Claustro Mosteiro dos Jerónimos lisboa
Claustro Mosteiro dos Jerónimos - Roteiro de viagem de Lisboa

Reserve pelo menos 1 hora para visitar o Mosteiro dos Jerónimos.


A Igreja do Mosteiro é gratuita e é linda também. Ali estão os túmulos de Vasco da Gama e de Luís de Camões.

Claustro Mosteiro dos Jerónimos

Lisboa | Roteiro de Lisboa


Horário de funcionamento: 10:00 às 17:00

Preço: 10 euros

Compre o ingresso antecipado aqui


3ª parada: Padrão dos Descobrimentos e Torre de Belém
Padrão dos Descobrimentos, Lisboa
Padrão dos Descobrimentos- Roteiro de viagem de Lisboa

Atravessando a rua do Mosteiro dos Jerónimos e a Praça do Império, você vai encontrar o Padrão dos Descobrimentos, que é um monumento em homenagem às Grandes Navegações. Em frente ao monumento tem uma rosa dos ventos no chão, em azulejos. Muito bonita também!


Aqui é sua primeira chance almoçar. Em frente ao Padrão dos Descobrimentos tem um restaurante maravilhoso. É o Portugália, o carro chefe deles são os bifes. São muito bons. A média de preços é de 20 euros por pessoa. Caso o seu orçamento esteja baixo deixa pra almoçar um pouco mais pra frente.


Seguindo pela beira do rio Tejo você vai encontrar a Torre de Belém. Aqui eu recomendo a visita apenas por fora, pessoalmente acho que não vale a entrada.


Aqui no meu mapa mundi de dicas de viagem eu deixei um pin em um bom local para fazer fotos sem turistas.


E se você for fã de fotos, mais pra frente tem a Fundação Champauliman que tem um cenário muito bonito. Não é um ponto turístico, é uma clínica médica, mas com uma vista incrível e entrada liberada.


Voltando pelo caminho onde viemos, até quase a estação de Belém novamente você tem sua segunda chance de almoçar (por um orçamento mais baixo - 12/15 euros). Eu recomendo o restaurante Rui dos Pregos, fica na rua do Mosteiro dos Jerónimos, mas duas quadras para trás. Eu deixei aqui marcado no mapa.


Caso o seu orçamento seja menor do que isso, tem um Mc Donald's perto e um Kebab muito bom (chama: Pão pão, queijo queijo), que daí devem sair por volta dos 6 euros por pessoa a refeição.


4ª parada: MAAT

O MAAT é o museu de arte e arquitetura, eu ainda não tive a oportunidade de entrar dentro dele, mas acredito que vale a visita. O prédio é lindíssimo, com vista para a Ponte 25 de Abril e você já vai estar ali do lado.


Fica um pouquinho depois da Estação de trem de Belém. Para onde você vai voltar em seguida.

MAAT - Roteiro de viagem de Lisboa
MAAT - Roteiro de viagem de Lisboa

MAAT - Roteiro de viagem de Lisboa
MAAT - Roteiro de viagem de Lisboa

5ª parada: LxFactory

Para chegar na nossa próxima parada você vai pegar o trem na estação de Belém e andar somente uma estação, até Alcântara-Mar.


Feirinha na LxFactory - Roteiro de viagem de Lisboa
Feirinha na LxFactory - Roteiro de viagem de Lisboa

A LxFactory é uma antiga fábrica, que hoje funciona como um centro de inovações. Tem várias startups funcionando ali, lojinhas fofas, bares, restaurantes e uma livraria linda.


Recomendo que você passeie pelo complexo de lojas, visite a livraria Ler Devagar e suba para um drink ou café no Rooftoop Rio Maravilha, que tem uma vista privilegiada.


Vista do bar Rio Maravilha, na LxFactory - Roteiro de Lisboa
Vista do bar Rio Maravilha, na LxFactory - Roteiro de Lisboa

Para terminar o dia você pode jantar por aqui, ou voltar para o Caís do Sodré e procurar um restaurante legal nos arredores. Uma possibilidade é o Mercado da Ribeira, ou Time Out Market, que é o mercado público de Lisboa, onde você encontra vários restaurantes.



Dia 2 em Lisboa | Roteiro de viagem


Bairro Alto e Baixa

No segundo dia de viagem vamos explorar a parte mais central de Lisboa, conhecer um pouco dos miradouros charmosos e da história da cidade. Para começar o dia vamos partir da Praça Luís de Camões, no Bairro Alto.


Como chegar:

Descer na estação de metrô da Baixa-chiado e subir pelas escadas rolantes até o Largo do Chiado. A estação tem duas saídas, uma pra baixa e outra para o bairro alto, pode ser um pouco confuso na primeira experiência, mas você vai ver que um lado das escadarias é bem mais alto do que o outro. Você precisa escolher o lado mais alto.


1ª parada: Fernando Pessoa

A primeira estátua que você vai conhecer no seu segundo dia de viagem em Lisboa é a de Fernando Pessoa, o mais incrível poeta português. Ela fica em frente ao café Á Brasileira, logo na saída do metro da Baixa-chiado.


2ª parada: Praça Luís de Camões

Vamos para a segunda estátua do dia, nesse roteiro de 5 dias em Lisboa: Camões. A praça de Camões fica bem pertinho da estátua de Fernando Pessoa, é a praça principal do Bairro Alto e tem uma estátua no meio de Camões, o escritor de Lusíadas.


Passando por ela e indo para o lado contrário de onde você veio (estação de metrô Baixa-chiado) você vai continuar o caminho até...


3ª parada: Miradouro do Adamastor, Manteigaria e Calçada do Combro

A Manteigaria, que é uma loja de pastéis de nata muito bons. Pegue os seus pastéis de nata e siga pelo nosso roteiro até o Miradouro do Adamastor, pra fazer uma paradinha e comer por ali.


Nessa região tem algumas lojas legais para entrar, tanto de marcas grandes quanto sebos e lojas de antiguidade.


Mais pra frente um pouco você encontra a Calçada do Combro, onde sempre tem um dos elétricos passando pra foto perfeita.


roteiro de lisboa, calçada do combro
Calçada do Combro - Lisboa

Daqui você pode começar a voltar pelo mesmo caminho que você veio, mas sem fazer o desvio no mirante. Volte lá pra onde você conheceu o Fernando Pessoa e continue mais um pouco.


Duas quadras à frente você vai encontrar a livraria mais antiga do mundo ainda em funcionamento.


4ª parada: Bertrand


Se você ama livros, como eu, vai querer perder um tempinho aqui nessa livraria. Além da livraria em si, a parede do prédio é muito bonita. Eu acho que valem as fotos.

Parede da livraria Bertrand do Chiado - Roteiro de Lisboa
Parede da livraria Bertrand do Chiado - Roteiro de Lisboa
5ª parada: Convento do Carmo

Desça mais um pouco depois da Bertrand e entre na rua que leva ao Convento do Carmo. Essa é uma atração pouco recomendada em Lisboa, mas que eu gosto muito e acho subestimada.


São as ruínas de um convento medieval, que foi parcialmente destruído em 1755, no terremoto. Nunca foi reconstruído, como a maior parte da cidade então tem belos arcos.


Hoje ele é em parte um museu arqueológico (a parte fechada) e na parte aberta acontecem consertos de música clássica e apresentações.

Museu arqueológico do Carmo

Lisboa | Roteiro de Lisboa


Horário de funcionamento: 10:00 às 19:00 (verão) e 10:00 às 18:00 (inverno)

Preço: 5 euros (adulto)

Onde comprar ingressos: direto na bilheteria, não costuma ter filas



6ª parada: Elevador de Santa Justa

O Elevador de Santa Justa é o que liga a baixa ao bairro alto, ele é um elevador mesmo, você pode pagar para andar nele. Mas acho que não é a melhor opção, as filas são gigantes e estando dentro do elevador você não vê o elevador.


Eu recomendo contornar as ruínas do Carmo, depois de visitá-las e ir até umas escadas que levam a um elevador comum. Ali você tem a melhor vista do elevador e consegue tirar uma foto legal com o Castelo de São Jorge atrás ainda.


Elevador de santa justa Lisboa
Elevador de Santa Justa e Castelo de São Jorge - Roteiro de Lisboa

Continuando nessas escadas da foto, você vai dar em um elevador, que desce pra rua debaixo. Ele sai dentro de uma lojinha de artesanatos, mas pode usar tranquilo.


Então você vai estar na Baixa.


7ª parada: Baixa

Dê uma volta nas ruas da baixa, eu recomendo ver a Praça do Rossio, com o Teatro D. Maria II e a Estação do Rossio (que é linda). Dê uma volta mesmo, explore um pouco as ruas e depois se encaminhe pra Rua Augusta, a rua principal da cidade.


Você pode almoçar por ali ou nas ruas laterais, que tem restaurantes mais baratos. Tem um Mc Donald's no Rossio também e um Burger King. Caso você queira algo mais barato mas não quer comer BK nem Mc, procure uma Padaria Portuguesa, é uma rede de padarias que são bem em conta e tem umas opções de sopa e sanduíches, mais saudável e mais barato.


Quer mais ideias para almoçar nessa parte do roteiro? Aqui no meu mapa mundi de dicas de viagem eu sempre deixo pins com minhas recomendações de restaurantes e lanches. Todos os que estão ali marcados é porque eu recomendo, se eu não aprovar nem incluo.

o que fazer em lisboa
Estação de Trem do Rossio atrás - Roteiro de Lisboa

8ª parada: Sé de Lisboa

A sé é a catedral medieval de Lisboa. Ela fica no começo do morro do Castelo, tem que subir um pouquinho mas não é muito. É um estilo de construção bem tradicional, que se encontra em várias cidades de Portugal.


Sé de Lisboa - Roteiro de viagem
Sé de Lisboa - Roteiro de viagem
9ª parada: Terreiro do Paço

Terreiro do Paço significa terreno do palácio, mas é chamado muitas vezes também de Praça do Comércio. É uma grande praça, com um palácio mais moderno em volta, que você não toma por palácio.


Ela tem abertura para o Rio Tejo e nos proporciona uma vista incrível para o pôr do sol.


Praça do Comércio com o Arco da Rua Augusta - Roteiro de Lisboa
Praça do Comércio com o Arco da Rua Augusta - Roteiro de Lisboa

Dia 3 em Lisboa | Roteiro de viagem


Nosso terceiro dia em Lisboa nesse roteiro de viagem começa na Estação do Oriente. Você pode chegar lá de trem ou de metrô. Esse dia tem que começar relativamente cedo, porque você vai subir no Castelo mais tarde. Então eu aconselharia estar no Oriente umas 10hrs.

1ª parada: Gare Du Oriente

A própria estação de trem já é uma atração turística, é uma construção imponente e moderna. Foi projetada para servir a Expo 98, como todo o Parque das Nações.


Você provavelmente vai sair de dentro dela. Em frente à Gare Du Oriente tem o Shopping Vasco da Gama, que é construído para lembrar uma caravela (todos os shoppings de Lisboa tem de alguma forma um tema marítimo). Ele é todo de vidro então você consegue uma boa vista para a estação.


No segundo andar do Shopping tem um café com mesinhas encostadas no vidro, é um ótimo lugar pra um café da manhã ou lanche e de quebra tem uma vista privilegiada. É um café bem acessível, nada de preços turísticos.


Essa foto eu tirei nele:


Gare du oriente roteiro de lisboa
Gare Du Oriente - Roteiro de Lisboa

2ª parada: Oceanário de Lisboa

Também construído para a Expo 98 o Oceanário de Lisboa é um aquário gigante cercado por vários aquáriozinhos, no meio do Rio Tejo. É um "museu" fascinante, onde você vê espécies marítimas de todos os tipos e aprende bastante sobre o mar e os escossistemas.


O projeto em si é bem legal, eles estão focados na preservação dos oceanos e na conscientização dessa necessidade.


O aquário central tem 5 milhões de litros de água salgada, com quatro habitats oceanicos dentro dele. Ao longo da visita ao Oceanário de Lisboa você vai se deparar com os diferentes ecossistemas, aquáticos e adjacentes. Eles reproduziram o ambiente para pinguins, lontras e mais algumas aves.


Atenção: o Oceanário de Lisboa costuma ter bastante fila, compre o ingresso antecipado aqui para poupar o seu tempo

Oceanário de Lisboa - Roteiro de viagem
Oceanário de Lisboa - Roteiro de viagem

Oceanário de Lisboa

Lisboa | Roteiro de Lisboa


Horário de funcionamento: 10:00 às 19:00 todos os dias

Preço: 19 euros

Compre os ingressos com antecedência aqui

3ª parada: Almoço no Parque das Nações

Depois da visita ao Oceanário de Lisboa é hora de almoçar. O Parque das Nações, onde fica o oceanário e o Shopping Vasco da Gama, tem diversas opções de refeição.


Eu recomendo que você almoce fora do shopping, que costuma ser menos cheio e mais agradável.


Ali tem um Mc Donald's, um Honorato (hamburguer artesanal), uma Capricciosa (pizza italiana), uma churrascaria brasileira e várias outras opções legais.


4ª parada: Castelo São Jorge

Castelo de São Jorge - Vista do Rossio
Castelo de São Jorge - Vista do Rossio

Não se perca no tempo, ainda temos um castelo para conhecer! Depois do seu almoço no Parque das Nações, volte para a estação de metro do Oriente (linha vermelha) e vá até Santa Apolônia (linha azul) (ou pegue um Uber).


Esse trajeto de metro deve demorar uns 40 minutos. Você vai sair na base da Alfama, um dos bairros mais tradicionais de Lisboa. E vai subir o morro até o Castelo de São Jorge, o trajeto certinho está marcado aqui no mapa mundi de dicas de viagem.


O ingresso para o Castelo Jão Jorge custa 10 euros e pode ser comprado na hora mesmo.


Ps. a entrada para o Castelo é de graça para todos os residentes em Lisboa, então caso você esteja fazendo um intercâmbio na cidade, por favor aproveite esse benefício.

Castelo São Jorge

Lisboa | Roteiro de Lisboa


Horário de funcionamento: 10:00 às 21:00 (verão)

Preço: 10 euros

Onde comprar ingressos: direto na bilheteria

Aproveite o passeio por Alfama, que é um bairro super charmoso e com muita vida. É um dos mais antigos de Lisboa, com ruelinhas típicas, casas amontoadas e muita roupa na janela. Os habitantes são em sua maioria idosos que viveram ali a vida toda. É em Alfama também que você consegue ouvir o fado tradicional.



Então se você não tiver programação para depois do Castelo e quiser conhecer mais da cultura portuguesa, procure uma casa de fado em Alfama.


Antes de entrar no castelo eu aconselho que você compre um lanche e água. Lá dentro só tem um café horroroso, com preços exorbitantes e comida ruim. E você não quer perder o passeio porque ficou com fome.


Compre um pastel de bacalhau na Casa do pastel de bacalhau na frente da entrada do Castelo e aproveite sua visita com calma.


Castelo de São Jorge por dentro - Roteiro de Lisboa
Castelo de São Jorge por dentro - Roteiro de Lisboa


Dia 4 em Lisboa: Sintra | Roteiro de viagem

No quarto dia desse roteiro de 5 dias para Lisboa você vai explorar Sintra, que fica nos arredores e é conhecida como a cidade dos castelos. Para chegar em Sintra a melhor opção é pegar o trem ou alugar um carro.


O trem sai da Estação do Oriente ou da Estação do Rossio e custa por volta de 2 euros, leva uns 40 minutos para chegar lá. Você vai descer na última estação, Sintra. Não na Portela de Sintra.


Logo na frente da estação de Sintra você vai encontrar uma opção de transporte na cidade, que é um

ônibus turístico por 5 euros o dia. Ele percorre os principais pontos turísticos da cidade e você só precisa guardar a notinha. Recomendo que você pegue esse ônibus e pare no Palácio da Pena para a primeira atração do dia.



1ª parada: Palácio da Pena

O Palácio da Pena é o castelo mais conservado que eu já visitei, bem completo e aquilo que a gente espera de um palácio, com mobília e quadros nas paredes. Isso porque ele é bem mais recente do que o Castelo de São Jorge, por exemplo.


O Palácio da Pena passou por várias épocas e já foi uma capela e um mosteiro, antes de ser transformado em residência real no século 19.


Vale a pena visitar o interior do Palácio e os jardins, que são maravilhosos também.


Compre aqui o ingresso antecipado do Palácio da Pena e evite filas. O preço é o mesmo que na bilheteria e assim você poupa um tempinho.

Palácio da Pena

Sintra | Roteiro de Lisboa


Horário de funcionamento: 9:30 às 18:30

Preços:

Adulto: 14 euros

- 17 anos ou + 65: 12,5 euros

Compre os ingressos com antecedência aqui


Interior do Palácio da pena
Interior do Palácio da Pena
2ª parada: Centro de Sintra

Depois de conhecer o Palácio da Pena e seus jardins encantadores já deve ser hora de almoçar. Desça com o ônibus turístico até a vila de Sintra, pode parar perto do Palácio Nacional de Sintra.


Escolha um dos restaurantes por ali pra almoçar e pare para a sobremesa na confeitaria Piriquita ou Piriquita II. Prove os famosos Travesseiros de Sintra e as Queijadas, são os doces típicos da cidade e muito concorridos.


Dependendo de quanto tempo você ainda tem, considere entrar no Palácio Nacional, eu ainda não fui mas vi umas fotos online acho que vale a entrada.


Aproveite para dar uma voltinha no centro, é super charmoso e fofo.


3ª parada: Quinta da Regaleira
quinta da regaleira o que fazer em sintra
Quinta da Regaleira - Roteiro de Lisboa

A Quinta da Regaleira é uma propriedade construída no final do século 19, num estilo romântico por Carvalho Monteiro para ser sua residência. O palácio da regaleira é composto por vários simbolos que representavam suas ideologias. Há uma biblioteca no interior, uma capela e um poço interessante nos jardins.


O poço iniciático foi construído com base no Inferno de Dante, representando com seus 9 andares, os 9 círculos do inferno, do purgatório e do paraíso. Diz-se que o poço foi utilizado para rituais de iniciação na maçonaria, por isso o seu nome hoje.


Poço iniciatico na Quinta da Regaleira - Roteiro de Lisboa
Poço iniciatico na Quinta da Regaleira - Roteiro de Lisboa

Quinta da Regaleira

Sintra | Roteiro de Lisboa


Horário de funcionamento: 10:00 às 18:30

Preço: 10 euros

Onde comprar ingressos: na bilheteria


Dia 5 em Lisboa: Cascais | Roteiro de viagem

O último dia de viagem desse roteiro de Lisboa é um passeio mais tranquilo em Cascais e uma noite de festa e bares no Bairro Alto. Recomendo que você se deixe dormir um pouco mais, para poder aproveitar a noite como deve de ser.


Comece o dia pegando o trem no Caís do Sodré, até a última estação: Cascais.


Passeie pela região, conheça o centrinho e vá até a


1ª parada: Boca do Inferno

É uma construção natural nas rochas, chamada de boca do inferno. A paisagem é linda, com o mar de uma cor turquesa forte batendo nas rochas.

Boca do Inferno, Cascais - Roteiro de Lisboa
Boca do Inferno, Cascais - Roteiro de Lisboa
2ª parada: almoço em Cascais

Volte para almoçar no centrinho de Cascais, existem vários restaurantes típicos por ali. Para encontrar o restaurante perfeito dá uma olhada aqui nesse site.


3ª parada: gelato na Santini

Um dos programas mais conhecidos pelos lisboetas é a parada pro gelato na Santini de Cascais. É uma sorveteria de gelatos italianos, que são simplesmente sublimes. Geralmente tem uma filinha, e não posso te dizer que é propriamente barato. Mas vale a pena.


4ª parada: Cais do Sodré e Bairro Alto

Rua Rosa em Lisboa
Rua Rosa em Lisboa

Para finalizar esse roteiro de viagem escolhi a noite lisboeta típica para te mostrar. A noite de Lisboa é agitada e acontece em sua maioria na rua.


Você vai começar descendo na estação do Caís do Sodré novamente e atravessando o Mercado da Ribeira, que é o mercado público de Lisboa. Logo depois você vai encontrar a Rua Nova do Carvalho, ou Rua Rosa, como é mais popularmente conhecida.


No final de tarde as coisas começam a se agitar por ali, com mesinhas na rua, muita cerveja...


Ao longo dessa rua tem vários barzinhos e algumas baladas. Recomendo você beber alguma coisa por ali, aproveitar para conhecer a Pensão Amor, que é um antigo prostíbulo e hoje funciona como café e meio como museu.


Depois vamos para onde é realmente agitado. Hora de malhar as pernas e subir para o Bairro Alto. É ali que se concentram os bars, com música rolando, bebida barata e muita gente disposta a trocar ideia.


Tem bares para todos os gostos e estilos, eu costumava passar no Espaço 40e1 para tequilas com canela e laranja, depois ia para o Tacão Grande passar as primeiras horas e aquecer. E terminávamos a noite no Príncipe Real, na Trumps minha balada gay preferida em Lisboa.


O meu estilo de bar e balada é bem específico (gay) então não consigo te dar muito mais dicas, mas o rolê é todo no bairro alto, com as mais diversas opções. Ande por ali e descubra um barzinho legal.


Ruas do Bairro Alto de noite - Roteiro de Lisboa
Ruas do Bairro Alto de noite - Roteiro de Lisboa

Esse é o roteiro que eu indicaria para fazer numa primeira viagem a Lisboa. Com essas atrações você consegue ter uma boa visão do que é Lisboa e conhecer os principais pontos turísticos e locais.


Além das dicas desse roteiro de viagem eu sempre vou acrescentando dicas no meu mapa mundi de viagem, com os restaurantes que eu já fui e gostei, bons lugares para fotos etc. É só dar zoom na região que você vai visitar e conferir as dicas.


Espero que esse roteiro de Lisboa seja útil para a sua viagem! Para acompanhar minhas viagens me siga no Instagram


Salve esse roteiro no Pinterest para ler depois:

Roteiro de Lisboa: o que fazer na capital portuguesa
Roteiro de Lisboa: o que fazer na capital portuguesa

0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo
Quem vai e quem fica - Marca.png
amazon prime
Júlia Orige
Blogueira de viagem
Oi gente, eu sou a Júlia e o Quem vai e quem fica é o espaço onde eu organizo todos os meus conteúdos de viagem. Pra te guiar pelas suas próximas aventuras.
Aqui eu ofereço os meus erros e os meus acertos para que você possa viajar melhor e mais fácil
Me acompanhe diariamente no Instagram
Para falar sobre parcerias e publis mande um email para juliaorige@gmail.com
  • Instagram
  • TikTok
  • YouTube
  • Pinterest
pacote-sao-luis-lencois-maranhenses-segu

Dicas de viagem em destaque:

Reserve sua viagem aqui:

Organize a sua viagem:

Vídeos de viagem no YouTube:

kindle unlimited