top of page
Quem vai e quem fica - Marca.png

Quer receber promoções de viagem?

Entre no meu canal de transmissão no Instagram! Sempre que eu acho algo que está valendo a pena de verdade eu mando o link por lá. São promoções de viagem selecionadas por uma curadoria humana. 

Capela Sistina: como visitar? Ingressos sem fila e dicas especiais

capela sistina
Foto: Wikimedia Commons

A Capela Sistina, no Vaticano, é um dos mais magníficos tesouros artísticos do mundo. Pintada por Michelangelo, uma das figuras mais relevantes do Renascimento italiano, a capela é um espetáculo de beleza e magnificência que toca a todos que têm a sorte de visitá-la.


Como um dos principais pontos turísticos de uma viagem a Roma, a Capela Sistina atrai milhões de visitantes todos os anos, os quais vêm de cada canto do mundo para apreciar a sua arte e história inigualáveis.


Vou te ajudar a planejar sua visita à Capela Sistina, para ser o mais incrível possível. Como é um dos pontos turísticos mais visitados do mundo, é preciso alguma antecedência para comprar os ingressos. Ou você corre o risco de ficar sem. Tô falando sério, não dá bobeira nessa parte.


Para conseguir entrar na Capela Sistina sem perder o dia inteiro na fila você precisa comprar os seus ingressos com uns 2 meses de antecedência pelo menos.



Colinha de viagem para visitar a Capela Sistina:

  • Compre o ingresso com pelo menos 2 meses de antecedência

  • É proibido fotografar ou filmar na Capela Sistina

  • A Capela Sistina fica dentro dos Museus do Vaticano, que tem muitas outras salas e obras para ver, vá com tempo

  • A Capela Sistina é um ambiente considerado sagrado pela Igreja Católica e na Itália eles são bem rigorosos com isso, então é proibido entrar na capela usando roupas que mostrem os ombros ou os joelhos. Se for verão é importante se lembrar disso na hora de se vestir para não correr o risco de ficar pra fora.


Teto da Capela Sistina

A grande estrela dessa visita é o teto da Capela Sistina, onde estão algumas das pinturas mais famosas do renascimento. Ele foi pintado por Michelangelo entre 1508 e 1512, é uma das maiores obras-primas da arte italiana.


Esse grandioso trabalho abrange cerca de 500 metros quadrados e apresenta uma série de nove painéis centrais que ilustram episódios do Livro do Gênesis, incluindo a famosa "Criação de Adão". Cercados por figuras de profetas e sibilas, os painéis retratam a complexa relação entre o divino e a humanidade como era compreendida na época.


A combinação de habilidade técnica e profundidade emocional torna o teto da Capela Sistina uma experiência visual extraordinária. São muitos detalhes e histórias contadas. Na verdade, é quase impossível observar e ver tudo em uma visita.


O teto da Capela Sistina é recheado de informação, são centenas de personagens representando narrativas. Cada um vivendo sua história, com expressões, acessórios e cores únicas.


Além de Michelangelo, a Capela Sistina foi enriquecida por obras de vários artistas renascentistas de renome. Sandro Botticelli, famoso por "O Nascimento de Vênus", pintou três painéis: "As Provas de Moisés", "A Punição dos Rebeldes" e "A Tentação de Cristo".


Domenico Ghirlandaio, mestre de Michelangelo, contribuiu com "O Chamado dos Primeiros Discípulos".


Pietro Perugino, mentor de Rafael, pintou "Cristo Entregando as Chaves a São Pedro". Cosimo Rosselli adicionou "A Travessia do Mar Vermelho" e "A Última Ceia". Cada artista trouxe seu estilo único, criando uma harmonia visual que complementa os afrescos de Michelangelo e enriquece a experiência dos visitantes.



Onde fica a Capela Sistina e como visitar

A Capela Sistina fica dentro dos Museus do Vaticano, na cidade do Vaticano. Para entrar na Capela Sistina você vai precisar comprar os ingressos para os Museus do Vaticano.


Você vai passar por várias salas com exposições até chegar na Capela Sistina. O acesso à capela é controlado, liberado em grupos. O fluxo de turistas é muito grande, mesmo. Se quiser ter um pouco mais de espaço recomendo ir bem cedo e com o ingresso já comprado. Na verdade, eu acho loucura aparecer lá pra comprar o ingresso na hora. Assim como é loucura querer comprar o ingresso do Coliseu na hora, perde-se muito tempo.


Para o resto dos museus do vaticano a vestimenta não é controlada, mas ao entrar na Capela Sistina vai ter alguém verificando se a sua roupa está de acordo. Quando eu fui era verão e eu estava de vestido, que mostrava os ombros levemente. Me deram um xale de papel pra me cobrir. Mas não sei se ainda é assim, recomendo ir com roupas que cubram os ombros e os joelhos.


Isso vale para qualquer igreja na Itália!


Ingressos para a Capela Sistina e Museus do Vaticano

Compre o seu ingresso com pelo menos 2 meses de antecedência para garantir que você vai ter vagas e não perder tempo na fila. Eu estou falando de MUITA fila.



Vai viajar para Roma? Veja mais dicas de viagem aqui no Quem vai e quem fica:

0 comentário

Commentaires


bottom of page