top of page
Quem vai e quem fica - Marca.png
  • Foto do escritorJúlia Orige

Castelinho Caracol: conheça esse ponto turístico imperdível de Canela

Atualizado: há 6 dias


castelinho caracol canela

O Castelinho Caracol é uma das residências mais antigas da região, construído por uma família de descendência alemã no início do século 20. Hoje é um museu muito fofo e bem preservado, mostrando a cultura da imigração na Serra Gaúcha. É um passeio imperdível para quem ama cultura e história - e um bom café da tarde.


Eu fui visitar o Castelinho Caracol em Canela atraída principalmente pela beleza da construção, tinha visto algumas fotos na internet e me encantei. Não sabia o quão completo ele era por dentro, essa parte me surpreendeu bastante.


O Castelinho Caracol foi uma residência, de uma família rica da região, construído pelo casal Pedro Franzen e Luiza Sommer. Apesar de ter sido adaptado para museu e casa de chá, boa parte dos cômodos permanece como foram utilizados.


Você consegue ver como a família vivia na casa, num mergulho no século passado.


Além da beleza da casa em si, os arredores são muito bonitos também. Na propriedade do Castelinho Caracol passa o Arroio Caracol, um curso de água que dá todo um charme pra natureza.





História do Castelinho Caracol

Construído no começo do século 20, o Castelinho Caracol é uma das primeiras residências de Canela. Ele foi feito todo de madeira de araucária, que é bem típico da região serrana.


Um dos destaques da construção é que ela foi feita toda sem pregos, com um sistema de encaixes e parafusos. E as tábuas do Castelinho Caracol foram tratadas biologicamente, ou seja, ficaram imersas nas águas do Arroio Caracol por 6 meses e depois armazenadas na sombra para secar.


A casa tem 18 cômodos e começou a ser chamada de Castelinho Caracol porque parece um castelo mesmo.


O castelinho foi habitado até 1980 pela filha mais velha do casal, a Irene. E em 1985 a residência se transformou em museu e casa de chá.


As receitas feitas no Castelinho Caracol são de herança da família Franzen! E são uma delícia, eu provei.



Como é a visita ao Castelinho Caracol em Canela?

Na visita ao Castelinho Caracol você vai passar por um museu na parte externa de ferramentas que se utilizavam para o cultivo e produção de alimentos na região no século passado. Tem outras construções menores também no terreno, incluindo uma casa simples onde o casal morou nos dois anos que demoraram para o Castelinho Caracol ficar pronto.


Você tem acesso livre ao castelinho para ver os dois andares e seus cômodos. E na parte de baixo do Castelinho Caracol há uma casa de chá, que serve o melhor Apfelstrudel da Serra Gaúcha, acompanhado de creme de nata ou de sorvete de creme.


Eu fiz um vídeo mostrando a visita ao Castelinho Caracol se você quiser ver:


Veja mais dicas de viagem de Gramado e Canela:

0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


bottom of page