Newsletter de promoções de viagem:

  • Júlia Orige

O que fazer no Chile? Roteiro completo de 7 dias com preços

Atualizado: 7 de out. de 2021


o q fazer no chile roteiro

Passear pelas vinícolas, molhar os pés no Oceano Pacífico, passear pela Cordilheira dos Andes, ou se divertir nos bairros bohemios de Santiago? Nesse roteiro completo de 7 dias você descobre o que fazer no Chile e como aproveitar a sua viagem ao máximo.


Quer um pacote de viagem? Veja promoções para o Chile aqui

O que fazer no Chile? Roteiro completo de 7 dias de viagem

Santiago + Valparaíso e Viña del Mar + Cajon del Maipo

Nesse roteiro de viagem eu organizei as atrações turísticas ao longo de 7 dias, incluindo o dia de partida e do de chegada, porque eu acredito que roteiros muito atolados geram frustrações. No dia que a gente chega em algum lugar muitas vezes não dá pra fazer nada, por causa de horários de avião, check-in no hotel e até cansaço da viagem mesmo.


Então eu gosto de pensar nos roteiros de uma forma mais "humana", colocando um espaço pra se recuperar do esforço físico, porque viajar de avião ou de carro/ônibus muitas horas mexe com o nosso corpo.


O meu roteiro de 7 dias no Chile é pensado para uma primeira viagem ao país, para conhecer a rota mais procurada: Santiago + Valparaíso.


Os meus roteiros de viagem com preços são montados com base na minha experiência pessoal, todas as cidades que tem roteiros aqui eu fui e testei tudo presencialmente. Mas são todos feitos pós-viagem, ou seja não é uma réplica fiel do que eu fiz durante a minha viagem.


Com base na minha experiência eu organizo um roteiro melhor do que o que eu fiz, porque o que eu fiz foi montado sem a experiência real.


No final do post você vai encontrar um orçamento de viagem completo, mastigadinho pra você só ir viajar, sem se estressar.


Se você gostar desse formato de post, indica para um amigo que gosta de viajar, vai me ajudar muito!


Passagens aéreas baratas para o Chile

Aqui nesse texto eu ensino como encontrar passagens aéreas baratas para qualquer lugar, você pode procurar também promoções de passagens aéreas aqui nesse site.


Visto para o Chile

Brasileiros não precisam de visto nem passaporte para entrar no Chile, apenas sua carteira de identidade brasileira. Eu apresentei o RG na entrada do país e deu tudo certo, vale lembrar que não pode ser carteira de motorista.


Ainda no avião é distribuído um papel para os passageiros preencherem com alguns dados sobre sua estadia (lembre-se de levar uma caneta) e depois na saída do avião você vai passar pela imigração. O policial vai te fazer algumas perguntas, normalmente o objetivo da sua viagem, quantos dias vai ficar e depois você recebe um papel que é a autorização de entrada no país.


Guarde esse papel porque é necessário entregar na volta.


Para viagens internacionais eu recomendo que você tenha uma carteira de viagem, para guardar documentos, papéis desse gênero e uma reserva de cartão, dinheiro etc. Uma carteira que seja diferente da que você vai usar realmente para o dia a dia, é uma segurança à mais para o caso de perder alguma coisa ou ser furtado. Também é bom para não estragar os papéis, nesse caso.


Leia também: Passagens Promo é confiável?


Onde se hospedar em Santiago:

Veja opções de hospedagem em Santiago nesse mapa abaixo ou veja esse texto. Eu recomendo ficar a uma distância andável do centro histórico, para aproveitar melhor.


Seguro de viagem para o Chile

seguro de viagem chile

O seguro de viagem está ficando cada vez mais necessário e cômodo. Os preços já são muito baixos para se arriscar a viajar sem, principalmente agora com COVID-19.


Se você vai viajar para o Chile no inverno e pretende praticar Ski recomendo pegar um seguro de viagem especialmente para isso.


No Seguros Promo você encontra cotações bem baixas, à partir de 9 reais por dia o mais básico e à partir de 20 reais por dia com cobertura para COVID-19.


Com o meu cupom você ganha 5% extra de desconto, só usar QUEMVAIEQUEMFICA no checkout.



Leia também: Seguros Promo é confiável?


Roteiro de viagem para o Chile

Dia 1 | Chegada em Santiago + Sky Costanera + Jantar | Roteiro Chile

Para começar a sua viagem ao Chile, tire o primeiro dia para se ambientar em Santiago. Deixe suas coisas na hospedagem e saia para jantar no Costanera Center. Faça um esforço para chegar ao Costanera antes do pôr do sol, para ver do mirante Sky Costanera.


O Costanera Center e o Sky Costanera ficam na Gran Torre Santiago, o maior arranha céu da América Latina. Na parte de baixo é o shopping Costanera Center e em cima é um prédio comercial, com escritórios. No 61º andar está o Sky Costanera, que é o mirante.


Em dias com o céu limpo você consegue ver a Cordilheira dos Andes em contraste com a cidade. Santiago fica bem perto da cordilheira, quando não tem névoa dá para ver perfeitamente.


Veja os preços para o Sky Costanera e compre os ingressos antecipados:

Atenção: o Sky Costanera fecha às 20 horas.


Depois de conhecer o mirante Sky Costanera, desça para o Shopping para jantar. Ali você tem várias opções, desde os fast foods da praça de alimentação, um mercado para quem quer algo realmente barato e restaurantes mais chiques. No térreo fica um Hard Rock Café.


O shopping é bem grande, apesar de não ser todo o prédio. São 5 andares de lojas.


Se você gosta de fazer comprar, aproveite. No Chile os eletrônicos são relativamente mais baratos do que no Brasil, se você pretende comprar um computador ou celular pode valer a pena, dê uma pesquisada.


Como chegar do aeroporto de Santiago ao centro da cidade:

O aeroporto de Santiago fica a apenas 15 minutos de carro ou 28 minutos de ônibus do centro da cidade. Existe um ônibus que faz essa rota de 10 em 10 minutos em épocas normais, saindo do aeroporto mesmo.


Ele custa 1500 pesos (cerca de 11 reais) a ida ou volta, a empresa que faz é a Centropuerto.


Se você for alugar um carro pode pegar um na Rentalcars do aeroporto mesmo.



Dia 2 | Cerro San Cristobal + Bellavista + Drinks

Manhã + almoço | Parque de las esculturas e Costanera Center | Roteiro Chile

O segundo dia você pode começar por volta das 10 ou 11 da manhã, no Parque de las Esculturas. O parque é um museu a céu aberto, com várias obras de arte espalhadas ao longo do gramado.


Ele fica no bairro Providência que é o mais moderno de Santiago, onde está o Costanera Center e o Sky Costanera. Se você não foi ao Sky Costanera no primeiro dia, aproveite agora.


Depois você pode almoçar no shopping ou encontrar um restaurante nas redondezas. Para encontrar um lugar legal para comer, siga essa dica aqui.


Caso o seu orçamento também esteja baixo, eu achei os preços dos mercados bem ok e tem bastante street food. Tem um mercado bem bom dentro do Costanera Center.


Tarde | Cerro San Cristobal + Zoo ou Museu | Roteiro Chile

Depois do almoço vá explorar o Cerro San Cristobal, que oferece uma vista espetacular para a cidade. O cerro é um morro, que fica no Parque Metropolitano de Santiago, com um teleférico que leva até os mirantes.


O Cerro San Cristobal tem duas entradas/saídas. Uma no Bairro Bellavista e uma perto do Parque de las Esculturas, recomendo que você comece o passeio por essa segunda saída e termine no bairro Bellavista.


Assim você não precisa comprar o bilhete de funicular e teleférico de ida e volta. Compra a penas a ida de uma ponta à outra.


O parque metropolitano de Santiago, onde fica o Cerro San Cristobal, é bem grande, há piscinas para o verão, vários jardins e mirantes para apreciar a natureza e a vista. Há também um museu dentro. É possível fazer uma visita bem rápida ou passar um dia inteiro.


Para passear no teleférico e no funicular você deve comprar os bilhetes na bilheteria, na hora mesmo, veja os preços atualizados aqui.


Aqui nesse site você consegue ver o que está funcionando ou não no parque metropolitano de Santiago.


Recomendo que você compre o bilhete apenas de ida, com o funicular incluído. Assim você saí no bairro Bellavista, na base do cerro, onde tem o Zoológico Nacional.


Aqui você pode optar por visitar o Zoológico Nacional ou seguir para uma voltinha no Bairro Bellavista e ir no Museu Nacional de Belas Artes. Caso queira um café com estilo vá até o Patio Bellavista, é uma galeria com cafés e restaurantes renomados.


Noite | Bellavista | Roteiro Chile

Para terminar o dia, volte para o Bairro Bellavista e ache um bar que lhe agrade mais. A região é bem animada e tem barzinhos e baladas para todos os gostos. Também tem vários restaurantes legais pra você experimentar.


Aproveite para experimentar o Pisco Sour, bebida tradicional do Chile, que é beeem forte e bem gostosa.


Dia 3 | Centro histórico

No terceiro dia pode acordar mais tarde, nada de acumular ressaca para os outros dias da viagem. Nesse dia você vai explorar o centro histórico de Santiago, passando pelos pontos mais importantes da cidade.


O centro de Santiago tem muitas atrações, se você tiver mais dias é super possível encontrar mais coisas para fazer.


Manhã | Plaza de Armas + Catedral Metropolitana + Museu Histórico Nacional

Comece pela Plaza de Armas, a praça central de Santiago. Ela nasceu junto com a cidade em 1541, sendo construída no local onde antes existia um monumento para reverenciar o sol, um local especial para o povo Inca.


Santiago foi construída a partir da Plaza de Armas, tendo todo o seu perímetro urbano planejado em torno dela.


Hoje a praça é um local movimentado, com vários prédios históricos e museus ao redor. Dizem que nunca se encontra a mesma atmosfera duas vezes na Plaza de Armas de Santiago.


Atenção: Santiago é uma cidade grande com muitos turistas, é comum acontecerem furtos em áreas mais movimentadas. Olhe bem suas coisas.


Ao redor da Plaza de Armas você vai encontrar a Catedral Metropolitana de Santiago, construída no século 19 num estilo barroco neoclássico. Dentro da catedral há também um museu de arte sacra, mas ele só abre nas segundas-feiras.